Dedique 10 minutos para entender o TNFP

1) QUAL A PROPOSTA DO THE NEW FRAME POST?

2) COMO FUNCIONA O CONCEITO DE TRANSITORIEDADE?

3) POR QUE UMA LOGO EM FONTE GÓTICA?

4) QUAL A MISSÃO EDITORIAL DO JORNAL?

5) O QUE É NOTICIADO PELO TNFP?

6) EXISTEM COLUNISTAS?

7) QUEM ESTÁ POR TRÁS DO PROJETO?

 

Com a proposta essencial de noticiar artes e moda com o suporte impactante das imagens em movimento, The New Frame Post  é um jornal videográfico. No entanto, é no espírito inquieto de um veículo transmídia que o TNFP encontra a sua melhor definição, já que a trajetória das nossas notícias não segue caminho linear e todas estas notícias podem ser compartilhadas multidirecionadamente.

Uma pauta que começa com um post, por exemplo, pode incitar o leitor a navegar pelo Vine, por conta dos vídeos de seis segundos que vêm indentados em cada reportagem. A quantidade de links que marcam os textos do jornal indicam que a leitura pode continuar no YouTube. E é no nosso canal desta rede social, inclusive, que montamos uma lista de reprodução com todos os vídeos destacados na matéria.

No entanto, este fluxo tem mão dupla: a repercussão de um tuíte postado no perfil do TNFP pode influenciar a publicação de uma série especial. E assim seguimos, sempre migrando do jornal para as redes, das redes para o jornal, em vias múltiplas.

A intenção é gerar uma conversa transitória, cujo movimento é o maior marca de abordagem. Todas as notícias do jornal são encabeçadas por  GIFs animados ou vídeos.

O projeto gráfico do The New Frame Post é inspirado pelo design dos veículos mais tradicionais do mundo, representado por uma logo escrita com tipografia gótica. Jornais como The New York Times, Chicago Chronicle e Le Monde modernizaram suas diagramações, mas mantiveram o signo de origem, por acreditarem que a sofisticação das serifas e das ligaduras denotam seriedade e profissionalismo.

Contudo, por mais que a logo pareça muito próxima aos banners que ilustram os topos das páginas impressas destes jornais, os diretores de arte Leandro Assis e Gabriel Carvalho, que assinam o projeto gráfico do TNFP, rebuscaram detalhes de fontes já existentes, criando uma nova possibilidade de comunicar com tipografia gótica.

Pode parecer muito óbvio e até é: a logomarca do TNFP é uma provocação. Estimulamos a leitura com um layout simples e extremamente refinado. Mas os GIFs animados usados para ilustrar as chamadas de capa (nossa primeira página, como prefiro dizer) criam um paralelo visual com a rede social Tumblr, excitando e insultando a essência da nossa linguagem visual.

A missão do The New Frame Post é se posicionar como uma referência editorial nos três pilares que ganham editorias principais: Fashion Films, Videoarte e Videoclipe. No entanto, como o TNFP é um jornal, qualquer assunto pode ser noticiado aqui — contanto que seja feito por meio de imagens em movimento.

Com atualização diária, pretendo fazer uma aprofundada cobertura sobre a indústria cultural brasileira e internacional. Os assuntos abordados são definidos em reuniões de pauta semanais — sempre filmada e reproduzida em microvídeos de 15 segundos no Instagram do jornal. Ao longo da semana, retuitamos no nosso Twitter as chamadas que influenciaram ou podem complementar as nossas histórias.

É possível que você já tenha virado madrugadas ouvindo um deles tocando indie rock nas melhores boates do Rio, mas não sabia que o cara um jornalista de mão cheia e vai dividir seu faro por novidades em colunas semanais. Um arquiteto premiado, que acredita que marketing, administração e filosofia dão mais significado aos seus projetos de interiores e de urbanismo, vai revelar suas impressões sobre as maiores construções do mundo. E tem também a coluna daquela blogueira que você adora seguir — e que agora em diante vai escrever mensalmente para o jornal, relatando a sua opinião sobre tendências que eventualmente fazem os nossos corações baterem mais forte.

Não curtiu o mistério? Conheça este time de especialistas pouco a pouco, aqui na seção “SOBRE O TNFP”, em perfis especiais que eu escreverei de próprio punho. E para estimular a transitoriedade entre as mídias, filmagens de um bate-bola feito via Facetime com estes colunistas vão deixar vocês, leitores, cada vez mais perto da nossa equipe.

Estão prontos para consumir notícia de uma outra forma? Pode navegar.

FUNDADOR E DIRETOR DE REDAÇÃO: Igor Fidalgo.
CONSELHO EDITORIAL: Leïlah Accioly, Duda de Almeida, Maristela Abreu e Rafael Saraiva.
REPÓRTER TRANSMÍDIA: Lua Saraiva.
DESENVOLVEDOR WEB: Andrey Aires.
GIFs: Daniel Rosso.
ILUSTRADORA: Natasha Wessler.
COLUNISTAS: Aline Pimentel, Ana Fialho, Andre Batista, Carla Lemos, Carlos André, Duda de Almeida, Joanna Mamede, Leïlah Accioly, Lucas Lopes, Luiza Brasil, Malu Mancinho, Maristela Abreu, Mimi Marques, Paula Rita Saady, Rafael Saraiva, Renata Valois, Renato Pagani e Tay Nascimento.
AGRADECIMENTOS: Antonio A. Thieme, Laís Mazzeo e Duda de Almeida.
PROJETO GRÁFICO DE LEANDRO ASSIS E GABRIEL CARVALHO
TECNOLOGIA ORIGINAL POR ROMULO MONT SERRAT